← Voltar para a categoria Sistemas de Segurança de Máquinas e Eletricidade

Mapa Interactivo do Risco do Árctico Imagem de Risco Complexo

A necessidade mundial de energia está impulsionando o interesse em mais atividades industriais no Ártico, mas as condições da região são altamente variáveis ​​dependendo do tipo de atividade, localização e época do ano. Isso cria uma imagem de risco complexa. A DNV GL, principal consultora técnica da indústria de petróleo e gás, desenvolveu, portanto, um Mapa de Risco Ártico interativo para apresentar os riscos associados às atividades marítimas e offshore no Ártico. O mapa visa fornecer aos interessados ​​uma ferramenta abrangente para a tomada de decisões e comunicações transparentes.

“O Ártico não é uma área monolítica e o quadro de risco varia em conformidade. As partes interessadas, portanto, precisam de uma base sólida de decisão para entender os riscos associados ao desenvolvimento e transporte do Ártico. O DNV GL Arctic Risk Map pode ajudar a facilitar discussões transparentes para abordar os muitos dilemas relacionados à atividade na região ”, diz Børre Paaske, gerente de projetos da DNV GL - Oil & Gas.

The map presents multiple dimensions, such as the seasonal distribution of ice, metocean (physical environment) conditions, sea-ice concentrations, biological assets, shipping traffic and oil and gas resources, in a user-friendly, single layout. It also includes a Safety and Operability Index, showing the variation in different factors that impact the risk level depending on the season and their location in the Arctic.

In addition, a location- and season-specific index has been developed showing the environmental vulnerability of marine resources with respect to oil spill as an external stressor. In general, DNV GL’s analysis shows that the Arctic environment is characterised by seasonal variations in vulnerability, and that this vulnerability increases in the summer months along with the level of industrial activity. However, this differs greatly between regions. Some areas, for example, are particularly vulnerable in winter, when they are used by birds for wintering or as spawning grounds for fish.

Como resultado, as consequências de um acidente no Ártico provavelmente seriam mais severas em algumas áreas do que outras. O mapa é uma ferramenta útil para identificar regiões que exigem atenção especial quando se trata de atividades de planejamento e para impor medidas de mitigação ao longo do ano. O mapa também pode fornecer informações aos decisores sobre a restrição de certos tipos de atividades em áreas específicas em diferentes épocas do ano.

“O nível de risco no Ártico deve ser equivalente a - ou melhor que - o melhor desempenho da indústria atualmente. As condições variadas e complexas do Ártico exigem que a indústria adote uma abordagem gradual em que o aprendizado e a tecnologia sejam desenvolvidos de forma progressiva em relação às áreas árticas mais desafiadoras ”, afirma Elisabeth Tørstad, CEO da Oil & Gas, DNV GL.

“As an independent body, DNV GL takes an active role in ensuring that any increase in industrial activity has a strong focus on safeguarding life, property and the environment. This Arctic Risk Map is a great example of our vision in action,” she adds.

Informador de Indústria de Processos

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentário são processados.